Angola

Acessos ao novo aeroporto de Luanda voltam a ter luz verde e custam 692,7 milhões de dólares

A construção, em curso, do Novo Aeroporto Internacional de Luanda (NAIL) vai envolver um programa de obras e intervenções nos acessos viários avaliado em 692,7 milhões de dólares.

A informação consta de um despacho assinado pelo Presidente angolano, autorizando a proposta de adjudicação deste programa de obras, financiado por linhas de crédito da China e realizado por empresas chinesas, mas com a subcontratação de empresas angolanas, lê-se no documento, de 14 de novembro e ao qual a Lusa teve hoje acesso.

Um outro conjunto de obras para garantir o acesso viário ao NAIL tinha sido adjudicado e depois revogado pelo Presidente angolano, em outubro.

Entre as obras agora previstas conta-se o estudo e reabilitação do eixo estruturante Via Expressa Cabolongo/Cacuaco e outros nós, no valor global de 221,8 milhões de dólares.

Envolve também o estudo e reabilitação do eixo estruturante da EN230 e outros nós naquela zona, por 183 milhões de dólares, assim como, na mesma estrada, o troço Viana/NAIL, por 287,7 milhões de dólares.

O despacho presidencial em causa autoriza o Ministério da Construção a celebrar os respetivos contratos de empreitada e a “indicar as empresas angolanas a subcontratar”, mas sem especificar quais as empresas envolvidas.

O novo aeroporto internacional de Luanda está em construção no município de Icolo e Bengo, a 30 quilómetros de Luanda.

 

Leia +

Staline Satola

Estudante do curso de Informática e Telecomunicações, faculdade de Engenharia, Univerdade Óscar Ribas. Trabalho com gestão de conteúdo desde 2012! Atualmente procurando aprender mas acerca de CMS (WP).

Related Articles

Veja também!

Close
Close
%d bloggers like this:
Ir para a barra de ferramentas