Angola

Prémios Sirius da Deloitte – Empresa Vidrul vence pelas exportações

A Vidrul a referência industrial vidreira angolana que conquista o mercado a um ritmo acelerado, destacou-se este ano como a melhor empresa exportadora do país, numa avaliação anual feita para esta categoria, pela primeira vez, pela organização dos prémios Sirius da Deloitte.

Trata-se de uma empresa com grandes referências para o mercado angolano, enquanto projeto empresarial geridos com práticas de excelência e com a ambição de ser uma indústria dirigida não só para a satisfação das necessidades do mercado nacional das embalagens de vidro, a Vidrul integra ao grupo Castel e fornece vasilhames em vidro para as grandes marcas internas e internacionais.

O diretor geral da Nampak Bevcan Angola, Peter Mashanguo, explicou que as latas produzidas em Angola são uma mistura de aço e alumínio e, atualmente a empresa estuda mecanismo para mudar a primeira linha de produção virada para o aço, para ser transformada em linha de alumínio. Temos muito orgulho porque a partir da África do Sul à Nigéria, apenas encontramos este tipo de tecnologia nestes países e em Angola, num investimento de fundos próprios e de alta tecnologia de transformação.

Os Júris de sexta edição dos prêmios Sirius foi presidido pelo economista Manuel Nunes Júnior e composto pelo economista Henda Inglês, o empresário José Severino, pela economista Laurinda Hoygaard, pelo consultor Manuek Alves Monteiros e pela economista Vera Daves.

Em causa na avaliação, estão a excelência, o talento e as boas práticas.

 

Via Jornal de Angola (Edição Impressa) Ano 41 Nº 14228

Staline Satola

Estudante do curso de Informática e Telecomunicações, faculdade de Engenharia, Univerdade Óscar Ribas. Trabalho com gestão de conteúdo desde 2012! Atualmente procurando aprender mas acerca de CMS (WP).

Artigos relacionados

Close
Close

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios
Ir para a barra de ferramentas