Dicas!Relacionamento

5 lições para evitar as birras das crianças com estas

As crianças fazem birra, mas existem maneiras de controlá-la.

As crianças fazem birra, mas existem maneiras de controlá-la, segundo conta a psicóloga e diretora do Barnard Center for Toddler Development, Tovah Klein, em entrevista ao UOL.

A especialista da instituição, dedicada a crianças pequenas, ensina cinco técnicas para que os pais de crianças com idade entre um e três anos possam evitar episódios de ataques de birra:

1- Evite o ataque

As crianças dão sinais de que vão explodir em gritos e choros, então, antes de isso acontecer, os pais podem tentar evitar.

O caminho é entender quais as situações ou horários que espoletam as birras e evitá-las.

2- Demonstre empatia

Antes de a criança começar a chorar, os pais podem demonstrar empatia e dizer coisas como “sei como é difícil o que estás a sentir”.

3- Quando começar a birra, dê tempo

Quando a criança começa a berrar, não adianta tentar conversar, discutir ou ralhar – o melhor é levar a criança para um lugar seguro (sem plateia nem coisas que a possam magoar) e esperar que o choro passe.

4- Não faça pouco do que a criança está a sentir

Sim, é difícil estar perto de um ataque de birras, mas não tente fazê-la sentir vergonha pelo choro.

Quando os adultos reconhecem os sentimentos da criança, a birra passa mais rápido.

5- Mantenha-se por perto

Após o choro, a primeira coisa que as crianças vão pensar é: “será que os meus pais ainda me amam?”. Dependendo da personalidade da criança, você pode abraçá-la depois da birra e demonstrar afeto.

Staline Satola

Estudante do curso de Informática e Telecomunicações, faculdade de Engenharia, Univerdade Óscar Ribas. Trabalho com gestão de conteúdo desde 2012! Atualmente procurando aprender mas acerca de CMS (WP).

Artigos relacionados

Close
Close

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios
Ir para a barra de ferramentas