Famosos

Finanças espanholas investigam Cristiano Ronaldo (já) há ano e meio

A investigação ao futebolista português Cristiano Ronaldo por alegada evasão fiscal decorre há ano e meio, noticia hoje o diário El Mundo, citando uma fonte do Ministério das Finanças espanhol.

A mesma fonte confirmou ao jornal espanhol que a investigação decorre “em silêncio e a seu ritmo”, estando em fase “avançada”.

A 2 de dezembro, os membros do European Investigative Collaborations (EIC), que inclui o Expresso e o El Mundo, entre outros, noticiaram que Cristiano Ronaldo evadiu, supostamente, 150 milhões de euros em impostos através de uma sociedade nas Ilhas Virgens.

Segundo o El Mundo, a investigação continua a reunir provas para depois avaliar se há indícios de delitos fiscais, tal como já aconteceu com Ricardo Carvalho, enquanto Fábio Coentrão está também a ser investigado.

Além de Ricardo Carvalho, a justiça espanhola acusou também os antigos jogadores dos ‘merengues’ Xabi Alonso e Ángel Di María, mantendo outra investigação ao antigo avançado do Atlético de Madrid Radamel Falcão.

A informação, que também envolve mais jogadores, entre os quais outro internacional português, Pepe, foi colhida a partir de 1.900 gigabytes de documentos a que o referido consórcio europeu teve acesso e sobre os quais trabalharam 60 jornalistas durante mais de sete meses.

De acordo com os documentos, cedidos aos citados OCS pela plataforma digital ‘Football Leaks’, são muitas a estrelas do futebol internacional que se esforçam por ocultar os seus rendimentos ao fisco.

Staline Satola

Estudante do curso de Informática e Telecomunicações, faculdade de Engenharia, Univerdade Óscar Ribas. Trabalho com gestão de conteúdo desde 2012! Atualmente procurando aprender mas acerca de CMS (WP).

Artigos relacionados

Close
Close

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios
Ir para a barra de ferramentas