Mundo

Síria: 72 civis mortos em ataques aéreos turcos contra Estado Islâmico

Ataques aéreos da Turquia contra o grupo extremista Estado Islâmico no norte da Síria mataram 72 civis na quinta-feira, 21 dos quais crianças, disse hoje o Observatório Sírio dos Direitos Humanos.

Os raides da aviação turca, que apoia rebeldes sírios no terreno, tiveram como alvo a cidade de al-Bab, na província de Alepo.

Para além dos civis, na quinta-feira, o observatório (uma organização não-governamental) tinha dito que pelo menos 61 pessoas morreram desde quarta-feira em combates entre o Estado Islâmico e rebeldes apoiados pelos turcos em al-Bab.

Segundo o Observatório Sírio dos Direitos Humanos, dez soldados turcos e 32 combatentes sírios que participavam na ofensiva “Escudo do Eufrates” contra o Estado Islâmico em al-Bab morreram. Já o Estado Islâmico registou 19 vítimas mortais.

Fontes militares citadas pela estação turca NTV anunciaram na quarta-feira que 14 militares da Turquia morreram e outros 33 ficaram feridos em vários ataques do Estado Islâmico perto de al-Bab.

Os rebeldes sírios, apoiados por aviões e carros de combate turcos, lançaram uma ofensiva na quarta-feira na periferia de al-Bab.

A 10 de dezembro, as fações sírias anunciaram o começo do ataque para “libertar” al-Bab.

Staline Satola

Estudante do curso de Informática e Telecomunicações, faculdade de Engenharia, Univerdade Óscar Ribas. Trabalho com gestão de conteúdo desde 2012! Atualmente procurando aprender mas acerca de CMS (WP).

Artigos relacionados

Close
Close

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios
Ir para a barra de ferramentas