Tecnologia

Há mais de 30 smartphones Android que já saem das lojas infetados

Empresa de segurança publica indica que o software malicioso é instalado durante o longo processo de chegada às lojas dos dispositivos móveis.

A empresa de segurança Check Point está a alertar para a existência de software malicioso em dispositivos móveis como smartphones e tablets. O mais curioso é que este software parece já vir pré-instalado nos equipamentos, concluiu a empresa numa investigação feita a dois clientes corporate.

Conta o Independent que foram detetadas “infeções graves” em 38 equipamentos, com a Samsung, a LG, a Google, a Xiaomi, entre outras, a serem algumas das marcas afetadas. A Check Point indica que o software em questão deverá ter sido instalado algures durante o processo de chegada às lojas. É recomendável que os utilizadores instalem software de proteção adequado assim que recebam os seus novos smartphones ou tablets.

“Software malicioso pré-instalado compromete a segurança até dos utilizadores mais cuidadosos. Adicionalmente, um utilizador que receba um dispositivo já com software malicioso não será capaz de detetar qualquer mudança na atividade do dispositivo que habitualmente ocorre assim que o software malicioso é instalado”, pode ler-se no relatório da Check Point,

Staline Satola

Estudante do curso de Informática e Telecomunicações, faculdade de Engenharia, Univerdade Óscar Ribas. Trabalho com gestão de conteúdo desde 2012! Atualmente procurando aprender mas acerca de CMS (WP).

Artigos relacionados

Close
Close

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios
Ir para a barra de ferramentas