Angola

Direcção da Total nega despedimentos

A petrolíferas Total Angola nega estar a efectuar despedimentos para reduzir custos operacionais, contrariando informações que circulam nas redes sociais.

O seu director-geral adjunto, Pedro Ribeiro, admitiu que a Total está em processo de reorganização.

A partir do ano de 2018 a Total pronunciar-se-á sobre qualquer decisão, contudo, realçou Pedro Ribeiro, hoje não está definido nem em números, nem em datas, nem em eixos, porque o processo está a decorrer e os trabalhadores estão de sobreaviso.

Tags

Artigos relacionados

Close

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios
Ir para a barra de ferramentas